Related »

BR 262 – UM CEMITÉRIO DE ANIMAIS SILVESTRES

on julho 30 | em Fauna na Mídia, FIQUE POR DENTRO | by | with No Comments

r

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Não é de hoje que a BR 262 é tratada como uma das rodovias que mais matam animais do Brasil. Pois todos nós sabemos que ela corta o Pantanal sul-mato-grossense, onde se concentra a maior Reserva Ecológica do planeta. É só seguir pela estrada que logo é percebido animais mortos, das mais variadas espécies, antas, jacarés, tamanduás, jaguatiricas, jacarés, cobras, até mesmo pássaros encontramos com facilidades mortos a beira da BR.
Muito se falou em construir passagem subterrânea, alambrados, enfim meios de se evitar as mortes, mas até agora absolutamente nada foi feito, pois sabemos das dificuldades da Polícia Ambiental com um contingente reduzido e pouca estrutura e com isso nada podem fazer.

E por outro lado o desrespeito na estrada é muito grande, carros em alta velocidade, que colocam em risco a própria vida e a vida de terceiros e até mesmo dos animais, e com isso a Polícia Rodoviária Federal tenta coibir, mas com pouco efetivo também não podem fazer quase nada. E encontramos também muitos caminhões bolivianos que parecem desconhecer a nossa legislação de trânsito e como sempre comendo atrocidades ao longo da BR, ultrapassando em lugar proibido, imprimindo alta velocidade e também contribuindo para matar muitos animais silvestres e muitos em fase de extinção.

A BR 262 no trecho de Corumbá a Miranda principalmente, precisa ser monitorada de forma mais contundente, onde a fiscalização precisa ser mais eficaz, e as cabeças pensantes do meio ambiente dos governos do Estado e Federal precisam concretizar através ações e não só de blá blá blá blá, para que se evite esse extermínio de animais do Pantanal. Pois do jeito que está em muito pouco tempo alguns animais irão desaparecer e só iremos vê-los através de fotos ou filmes. E será mais uma derrota para a humanidade. É preciso acima de tudo politicas sérias voltadas para a preservação ambiental, pois o equilíbrio ecológico deve ser latente, afinal o homem que invadiu o espaço dos animais e em contrapartida dever protege-los e não exterminá-los.

meio_tamandua_mirin_atropelado

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os pilares da vida em todos os âmbitos devem ser voltados para a proteção, e isso passa até mesmo em equipar melhor a Polícia Ambiental e até mesmo o aumento do seu efetivo, pois dessa forma a fiscalização será maior e melhor e fazer valer a lei. Pois assim como se pune quem muitas vezes corta a árvore para usar na sua própria propriedade é preciso punir também quem mata os animais por pura irresponsabilidade, onde acham que um veículo de passeio ou uma carreta são carros de fórmula 1 ou fórmula truck.

A Polícia Rodoviária Federal também precisa ser melhor equipada e com um contingente maior, para fiscalizar melhor e aplicar a lei contra aqueles que não respeitam os limites de velocidade, colocando em risco a sua vida e a vida dos outros seres vivos.

Fonte: http://www.correiodecorumba.com.br/?s=noticia&id=23873

Pin It

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

FACEBOOK

APOIADORES

Avina

CRT

Itapemirim

Juniclair

Wise
Scroll to top