Related »

DIA MUNDIAL DO TAMANDUÁ

on novembro 29 | em Fauna na Mídia, FIQUE POR DENTRO | by | with No Comments

CRBio-07 participa do Dia Mundial do Tamanduá

Foto: Divulgação - Fabio Pachoal

Foto: Divulgação – Fabio Pachoal

 

Para celebrar o Dia Mundial do Tamanduá, comemorado em 29 de novembro, o Conselho de Biologia do Paraná lança uma ação para escolher o nome do personagem criado como mascote da campanha para a conservação dos tamanduás no país. O CRBio-07 promove ainda um alerta sobre a importância da conservação desses animais e dos ambientes onde ocorrem.

Qualquer pessoa, independente da idade, pode participar, sugerindo a quantidade de nomes que desejar.

Para tanto, basta mandar a sugestão para o e-mail mascote@crbio-7.gov.br, com o seu nome completo e telefone de contato, até o dia 15 de dezembro de 2014. As sugestões serão avaliadas por uma Comissão Julgadora e o resultado será divulgado no site do CRBio-07 (crbio-7.gov.br) no dia 15 de janeiro de 2015.

A Comissão Julgadora será composta pelos seguintes integrantes:

• Fernanda Góss Braga (CRBio 25.575/07-D): Coordenadora da campanha;
• Jorge Augusto Callado Afonso (CRBio 08.085/07-D): Presidente do CRBio-07;
• Flávia Regina Miranda: Responsável pelo Projeto Tamanduá;
• Rafa Camargo: Ilustrador, criador do personagem.

O responsável pela indicação do nome escolhido ganhará um exemplar do livro “Manutenção de Tamanduás em Cativeiro”, de autoria de Flávia Miranda, e receberá um certificado de agradecimento assinado pelas instituições organizadoras (Projeto Tamanduá e CRBio-07). Caso o nome vencedor tenha sido proposto por mais de uma pessoa, todos os proponentes receberão o certificado e o livro será sorteado entre eles.

O Dia Mundial do Tamanduá é uma iniciativa do Instituto Jurumi e do Projeto Tamanduá, com o apoio da IUCN/SSC Anteater, Sloth and Armadillo Specialist Group. É uma ação global para sensibilizar as pessoas sobre os desafios para a sobrevivência das espécies de tamanduás na natureza e a importância de sua conservação. Para tanto, diversas organizações são convidadas a criar ações neste dia para comemorar e divulgar a data.

São quatro as espécies de tamanduá existentes: Tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla), Tamanduá-do-norte (Tamandua mexicana), Tamanduá-mirim (Tamandua tetradactyla) e Tamanduá-í (Cyclopes didactylus). Dentre elas, apenas o Tamanduá-do-norte não ocorre no Brasil, sendo que Tamanduá-bandeira e o Tamanduá-mirim são encontrados no Paraná.

O Tamanduá-mirim não é considerado ameaçado de extinção no Paraná, porém está ameaçado nos estados vizinhos de Santa Catarina e São Paulo. Ele sofre com o desmatamento, as queimadas, os atropelamentos, os ataques de cães e a caça. Ocorre nos remanescentes florestais do estado, desde o litoral até o extremo Oeste, entre os quais se destaca a extensa faixa de vegetação da Serra do Mar, o que reforça a importância de conservarmos o que ainda resta de floresta nativa no Paraná.

O Tamanduá-bandeira é a maior de todas as espécies de tamanduá, com cerca de dois metros de comprimento. Eles são solitários, mas casais podem ser observados durante o período reprodutivo. A fêmea carrega o filhote no dorso até completar quase um ano de idade. No Paraná é considerado criticamente ameaçado de extinção, categoria que denota o maior dentre todos os graus de ameaça. As populações do estado são concentradas no Segundo Planalto Paranaense e no Parque Nacional do Iguaçu, por isso a importância de se preservar essas áreas e entorno.

Que nome você daria a ele? Conte para a gente no e-mail mascote@crbio-7.gov.br

 

Arte: Divulgação

Arte: Divulgação

 

CLIQUE AQUI para notícia original

 

 

Pin It

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

FACEBOOK

APOIADORES

Avina

CRT

Itapemirim

Juniclair

Wise
Scroll to top