Related »

Em Uruaçu, dois são presos transportando aves ameaçadas de extinção

on April 2 | in Fauna na Mídia | by | with No Comments

Animais foram encontrados em sacos, mochilas e em uma estrutura de madeira colocada debaixo do banco traseiro (Foto: Divulgação / PRF)

Animais foram encontrados em sacos, mochilas e em uma estrutura de madeira colocada debaixo do banco traseiro (Foto: Divulgação / PRF)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Segundo a PRF, o grupo teria pego a quantia de R$ 8 mil pelas aves; elas seriam revendidas para compradores do mercado negro, em São Paulo

Dois homens foram presos, na madrugada desta terça-feira (2), após serem flagrados transportando dezenas de aves ameaçadas de extinção, na BR-153, em Uruaçu, a 280 quilômetros de Goiânia. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os animais eram levados dentro de mochilas, sacos plásticos, caixas de sapato e gaiolas. Os criminosos chegaram a construir uma estrutura de madeira para ser inserida debaixo do banco traseiro do veículo para transportar várias araras.

De acordo com a corporação, o veículo em que os suspeitos estavam, um Fiat Uno, foi parado durante uma abordagem de rotina. Assim que os envolvidos estacionaram o carro, a equipe ouviu o cantar de uma ave, que estava agitada devido a condição de transporte. Surpresos com o barulho do animal, os policiais pediram para os ocupantes do veículo descerem do carro. Ao vistoriar o interior do Fiat,  as autoridades encontraram, escondidos debaixo do banco traseiro, 29 curiós, 28 araras e três papagaios. As araras eram das espécies Ararajuba e Araracanga, espécies raras e ameaçadas de extinção.

A equipe, constatou que o carro era conduzido por um homem de 44 anos e ocupado por outras três pessoas: um homem de 34 anos, uma jovem de 19 anos e seu filho, um bebê de 11 meses. Posteriormente, o ocupante do veículo e o condutor foram presos e autuados pela prática de crime ambiental e por maus tratos aos pequenos silvestres. A jovem foi liberada em razão da condição do bebê. Caso será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Uruaçu.

Mercado Negro

Conforme expõe a PRF, o passageiro do carro relatou ter comprado os animais de um grupo composto por sete pessoas, responsáveis pela captura, no município de Goianésia, no Pará. Os pássaros seriam levados para comércios localizados no município de Guarulhos, em São Paulo.

“Pela compra dos pássaros, o ocupante do veículo informou ter pago aproximadamente R$ 8 mil. Algumas das araras raras que o suspeito transportava chegam a ser vendidas por até R$ 10 mil no mercado negro”, explicou o inspetor da corporação, Newton Morais.

Logo no início da manhã desta terça-feira, o Ibama foi acionado para aplicar as devidas multas por crime ambiental e por maus tratos. A equipe trará os animais para Goiânia e serão encaminhados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas). Só depois da triagem é que os profissionais decidirão se as aves estão em condições de serem devolvidas para a natureza.

(Foto: Divulgação / PRF)

(Foto: Divulgação / PRF)

 

(Foto: Divulgação / PRF)

(Foto: Divulgação / PRF)

Fonte: https://www.emaisgoias.com.br/em-uruacu-dois-sao-presos-transportando-aves-ameacadas-de-extincao/

Pin It

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

« »

FACEBOOK

SPONSORED BY

Avina

CRT

Itapemirim

Juniclair

Wise
Scroll to top