Related »

Funcionários de condomínio são suspeitos de caçar animais silvestres

on fevereiro 23 | em Fauna na Mídia | by | with No Comments

Com eles, a Polícia Ambiental de Araçatuba apreendeu duas espingardas.
Suspeitos não tinham autorização do Ibama para caçar

Do G1 Rio Preto Araçatuba

 

Duas espingardas e munições que seriam usadas para a caça de animais silvestres foram apreendidas em um condomínio de ranchos, na zona rural de Araçatuba (SP), nesta quinta-feira (18), pela Polícia Ambiental. Dois suspeitos foram autuados.

De acordo com informações da Polícia Ambiental, uma denúncia anônima informou que o gerente, de 25 anos, e o porteiro, de 52 anos, do condomínio guardavam armas dentro do escritório do local para caçar animais silvestres na região. Ao ir até o condomínio, os policiais ambientais foram ao escritório, com a autorização do gerente, e encontraram armas desmontadas escondidas dentro de gavetas, em um armário usado pelos funcionários para guardar objetos pessoais.

Segundo a polícia, o porteiro confessou ser dono das armas e que ele e o gerente tinham o hábito de caçar animais perto do condomínio. A polícia informou que eles não tinham autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) para caçar. As armas, uma espingarda calibre 36 e outra calibre 20, além de 21 cartuchos, foram apreendidas.

Os suspeitos foram levados para a Central de Flagrantes de Araçatuba para prestar depoimento. O porteiro vai responder por posse irregular de arma de fogo e o gerente por mantê-las no escritório do condomínio. Os dois foram ouvidos e responderão aos crimes em liberdade.

 

Fonte: http://g1.globo.com/sao-paulo/sao-jose-do-rio-preto-aracatuba/noticia/2016/02/funcionarios-de-condominio-sao-suspeitos-de-cacar-animais-silvestres.html

Pin It

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

FACEBOOK

APOIADORES

Avina

CRT

Itapemirim

Juniclair

Wise
Scroll to top