Related »

Portal Globo.com – G1 – Polícia apreende 165 aves silvestres que estavam à venda em feira de Sergipe

on fevereiro 11 | em Fauna na Mídia, FIQUE POR DENTRO | by | with No Comments

Esta foi a maior apreensão do tipo registrada neste ano.
Alguns animais estavam debilitados entre filhotes e aves raras.

Do G1 – SE

Com informações da PM/SE

Alguns animais estavam debilitados entre filhotes e aves raras (Fot Polícia Militar/Divulgação)
Alguns animais estavam debilitados entre filhotes e aves raras.
Foto: Polícia Militar/Divulgação

O Pelotão Ambiental da Polícia Militar apreendeu na segunda-feira (10) 165 aves silvestres que estavam à venda na feira do município de Lagarto, em Sergipe. Esta foi a maior apreensão do tipo realizada neste ano.

Os proprietários dos animais fugiram no momento em que os policiais faziam a fiscalização de rotina no local, portanto ninguém foi preso.

“Não era comum a venda de animais silvestres na feira de Lagarto, sendo as maiores incidências nos municípios de Itabaiana, Nossa Senhora das Dores e Estância. Com essa última apreensão, percebe-se uma espécie de migração deste tipo de crime, já que os infratores estão indo para outras cidades com o intuito de burlar a fiscalização da PM”, afirma o sargento Cristo.

Alguns vendedores escondem as gaiolas embaixo das bancas em meio a outras mercadorias na tentativa de burlarem a fiscalização. No local, foram aprendidos filhotes, animais debilitados e até aves raras.
Entre os exemplares tinham papagaios, periquitos, papa-capins, cabeços, canários da terra, azulões e curió. “Como muitos animais são trazidos do interior da Bahia e do sertão de Sergipe, eles sofrem o estresse do transporte durante a viagem e acabam lesionados”, destaca o militar.

As aves que tinham condições de voar foram soltas em área do habitat natural desses bichos. Já os animais que não puderam ser soltos foram entregues aos cuidados do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Pin It

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

Scroll to top