Related »

Raio-X identifica cobra exótica dentro de caixa enviada do Piauí para MT

on junho 10 | em Fauna na Mídia, FIQUE POR DENTRO | by | with No Comments

Cobra é da espécie Corn Snake, conhecida como a ‘cobra do milho’.
PM diz que animal é comercializado em valores que passam de R$ 4 mil.

09/06/2016 – 11h32
Do G1 – MT

 

Raio-X identifica cobra exótica dentro de caixa enviada do Piauí para Mato Grosso. Foto: Batalhão Ambiental

Raio-X identifica cobra exótica dentro de caixa enviada do Piauí para Mato Grosso.
Foto: Batalhão Ambiental

 

Pacote foi encaminhado por um morador de Landri Sales, no Piauí, para Cuiabá. Foto: Batalhão Ambiental

Pacote foi encaminhado por um morador de Landri Sales, no Piauí, para Cuiabá.
Foto: Batalhão Ambiental

 

Uma cobra exótica foi identificada no Raio-X de uma encomenda que chegou na quarta-feira (8) na agência dos Correios, do Bairro Cristo Rei, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.

De acordo com a Polícia Militar Ambiental, a cobra é da espécie Corn Snake, conhecida no Brasil como a ‘cobra do milho’. O animal é vendido, conforme a polícia, em valores que ultrapassam R$ 4 mil.

Segundo o sargento Joelson de Paula, a cobra tem aproximadamente 32 centímetros comprimento e ainda não chegou na fase adulta da espécie.

Os funcionários que trabalham na Central de Distribuição dos Correios detectaram um animal dentro da encomenda que chegou ao local.

O pacote foi encaminhado por um morador de Landri Sales, no Piauí. A encomenda seria entregue para uma mulher em um condomínio no Bairro Jardim Vitória, em Cuiabá.

Os policiais abriram o pacote, ainda na agência, e encontraram a cobra.

O animal foi encaminhado para o Centro de Tratamento de Animais Silvestres (Cetas), no Batalhão Ambiental em Várzea Grande.

“É uma cobra típica da fauna nativa americana, conhecida como Cobra do Milho. Tem uma coloração muito bonita. Em média as pessoas comercializam em valores a partir de US$ 2,2 mil, o que corresponde a mais de R$ 4 mil”, explicou o sargento ao G1.

A polícia deve tentar identificar a moradora sobre a encomenda e ouvi-la formalmente. A cobra continua no Batalhão da Polícia Ambiental.

 

CLIQUE AQUI  para notícia original.

 

Pin It

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

FACEBOOK

APOIADORES

Avina

CRT

Itapemirim

Juniclair

Wise
Scroll to top