Related »

Revista Veja – Bichos na clandestinidade

on outubro 2 | em FIQUE POR DENTRO, Renctas na Mídia | by | with No Comments

Criar animais silvestres em casa é proibido por lei. A multa é de 500 reais, mas pode chegar a 5 500 reais se o bicho estiver na lista das espécies ameaçadas de extinção. O Ibama estuda a alternativa de criar a figura do fiel depositário. A intenção é formalizar a obrigação legal do proprietário de cuidar adequadamente do animal.

Enquanto isso não acontece, o ambientalista Dener Giovanini, coordenador da Rede Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres, recomenda aos proprietários que se informem com especialistas sobre a alimentação mais adequada e os cuidados de que os bichos necessitam. Para quem deseja ter um animal silvestre no quintal, a única saída é procurar um criador autorizado pelo Ibama.

Já existem no país dezenas de criadouros de aves, como arara, papagaio e canários, e de outras espécies, como jacaré e tartaruga. O objetivo desses estabelecimentos é fornecer animais ao mercado interno, como forma de combater o comércio ilegal. Os preços são mais altos, mas o comprador leva para casa um bicho identificado, com garantias sanitárias e certificado de procedência, o que evita o risco de multa.

Pin It

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

Scroll to top