Related »

Transformações radicais: americano registra a vida das lagartas

on julho 23 | em Fauna na Mídia, FIQUE POR DENTRO | by | with No Comments

Samuel Jaffe fotografa lagartas desde 2008 e criou organização para estudo e registro de suas vidas.

23/07/2015 18h00
Portal Globo.com – G1, com informações da BBC

 

Nas fotos da fileira de cima, ele registrou três variedades da Eumorpha achemon.  Nas de baixo, outras três variedades, Papilio glaucus, polyxenes e troilus. Foto: Samuel Jaffe/Divulgação

Nas fotos da fileira de cima, ele registrou três variedades da Eumorpha achemon.
Nas de baixo, outras três variedades, Papilio glaucus, polyxenes e troilus.
Foto: Samuel Jaffe/Divulgação

 

Acima, a lagarta Esfinge chersis (Foto: Samuel Jaffe/Divulgação)

Acima, a lagarta Esfinge chersis (Foto: Samuel Jaffe/Divulgação)

 

Na foto acima, a Dasylophia anguina, em uma postura defensiva. Foto: Samuel Jaffe/Divulgação

Na foto acima, a Dasylophia anguina, em uma postura defensiva.
Foto: Samuel Jaffe/Divulgação

 

Há anos o fotógrafo americano Samuel Jaffe fotografa lagartas, criaturas que passam por transformações radicais para se defender de predadores.

Nas florestas da Nova Inglaterra, nordeste dos EUA, é possível encontrar milhares de espécies de lagartas que usam essas estratégias.

Jaffe se interessou por lagartas quando ainda era criança e começou a fotografá-las em 2008. Daí criou o Caterpillar Lab, um projeto educacional com apoio da Universidade de Antioch, nos EUA.

O objetivo é divulgar como é a vida das lagartas.

“Criei lagartas durante toda minha vida. Meus pais as encontravam rastejando em volta da casa quando eu tinha cerca de quatro anos – eu as pegava no quintal, mas eles não sabiam (o que eu estava fazendo)”, disse Jaffe.

“Há algo muito especial sobre elas: elas são organismos juvenis – o estágio de larva de borboletas e mariposas -, então elas não têm que se preocupar com as pressões da vida adulta, como encontrar um parceiro ou lutar por território. Elas só precisam se preocupar com a defesa contra predadores. São animais defensivos notáveis”, afirmou o fotógrafo.

A exposição das fotos de Jaffe, “Vida na Ponta da Folha”, está em cartaz até 27 de setembro em um centro cultural no Estado americano de Ohio. Também é possível conhecer mais sobre o trabalho do fotógrafo no site www.samueljaffe.com

CLIQUE AQUI   para conhecer a galeria de fotos e notícia original.

Pin It

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

FACEBOOK

APOIADORES

Avina

CRT

Itapemirim

Juniclair

Wise
Scroll to top