Homem é multado por manter pássaros em cativeiro e maus tratos no centro de Promissão, SP

Polícia encontrou aves em casa no centro de Promissão, após denúncia.
Pássaros foram soltos em uma reserva ambiental da região.

Do G1 – Bauru e Marília

 

Pássaros estavam em cativeiro. Foto: Divulgação / Polícia Ambiental
Pássaros estavam em cativeiro.
Foto: Divulgação / Polícia Ambiental

 

Homem foi multado por maus-tratos. Foto: Divulgação / Polícia Ambiental
Homem foi multado por maus-tratos.
Foto: Divulgação / Polícia Ambiental

 

A Polícia Militar Ambiental de Lins (SP) flagrou pássaros silvestres em cativeiro e em situação de maus-tratos em uma casa no centro de Promissão, na tarde desta segunda-feira (11). O proprietário foi autuado em mais de R$ 30 mil.

Segundo a polícia, após denúncia, foram localizados nove pássaros da fauna silvestre, três pássaros pretos, dois canários-da-terra, um sabiá pardo e três coleirinhos-baiano, todos em cativeiro e sem licença ambiental exigida por lei.

Os policiais ambientais constataram que todos os pássaros estavam em situação de maus-tratos, sem alimentação, água e com as gaiola sujas de fezes.

Os pássaros após passarem por exames veterinários e apresentarem estado bravio com sinais recentes de captura, foram soltos em uma reserva ambiental da região.

O dono foi multado em R$ 4,5 mil por manter os pássaros em cativeiro sem licença ambiental e em R$ 27 mil por maus-tratos.

 

CLIQUE AQUI  para notícia original.

 

Deixe uma resposta